Publicado por: marcospauloteixeira | Setembro 9, 2010

FALTA DE RESPEITO AO CENTRO DA VIDA DOS CATÓLICOS: A MISSA

FALTA DE RESPEITO AO CENTRO DA VIDA DOS CATÓLICOS: A MISSA

Por Marcos Paulo Teixeira

A Constituição Federal nos garante o direito a liberdade de religião. A essa liberdade é também assegurada o respeito à qualquer religião professada. O Brasil é um estado laico, não ateu, pois a grande maioria dos brasileiras acredita em Deus. Com essa afirmação quero dizer que, consoante a vigente Constituição Federal, o Estado deve se preocupar em proporcionar a seus cidadãos um clima de perfeita compreensão religiosa, proscrevendo a intolerância e o fanatismo.

A maioria do povo brasileiro professa o catolicismo e tem como momento ápice da sua fé a celebração da Santa Missa. Porém não podemos deixar de nos indignar com a ridicularização promovida pelos organizadores e freqüentadores da M.I.S.S.A.(Movimento dos Interessados em Sacudir sua Alma).

O que é o M.I.S.S.A.?

É uma balada que em nada tem com a Igreja Católica. Com frases tipo “é um pecado deixar de ir”, “reze para chegar logo”, “quem disse que ninguém te chama?”  e “sábado é dia de missa” ou ainda “cansei da night, agora só vou pra missa”, os organizadores do evento ultrapassam a linha do respeito à maior religião do País.

Veja mais: “O evento é uma balada, por sinal visitada por muitas celebridades, que é um dos aspectos que tem chamado a atenção e tem causado o grande frisson e repercussão do mesmo. Tocam várias bandas regadas por arranjos eletrônicos. O ridículo é que: após as bandas, inicia-se um espetáculo de cores e som eletrônico com o DJ Residente da MISSA (O Papa), Dj Tartaruga, tocando seu set MIXTURADO, bem democrático, sem preconceito de estilos musicais, emocionando o público de várias gerações e sacudindo a alma de todos.  O evento ainda conta com mulheres vestidas de freiras recepcionando os convidados e entregando brindes, os famosos anões de anjinho, diabinho e outros personagens surpresa.
Entre todas as ridicularidades, as edições desta balada conta com o PAPArazzo, um fotógrafo vestido de Papa que tira fotos não pousadas, bem ao estilo paparazzo, dos convidados em várias situações e depois as fotos ficam expostas num mural para as pessoas levarem para casa como recordação da MISSA.”

 Esse desrespeito ainda não chegou aqui em Teresina, mas se já chegou na sua cidade não deixe de protestar contra essa violação daquilo que, para nós, é o maior e mais importante culto à Nosso Senhor, a Santa Missa.


Responses

  1. Um absurdo realmente! Quando li não acreditei! O povo so quer saber de festa e não ta nem ai se ta desrespeitando a religião dos outros. Se fizessem essa palhaçada com os mulçumanos era logo um atentado na festa… bem, n´so católicos somos mt pacivos… e tem mt gente, ate catolicos q se deixam levar por essas coisas… Isso é heresia no mais alto grau! Coisa do demonio!


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: